in ,

NÃO COMPRE UMA KAWASAKI NINJA 400 ANTES ASSISTIR ESSE VÍDEO



Eu gosto muito dessa marca e principalmente do modelo ninja já tive duas kawasaki ninja 300 e gostei muito! porem nesse vídeo de hoje vou tentar passar pera vocês os dois lados da moeda, as vantagens e desvantagens da ninja 400, sem mimi sem choro fique livre para comentar mas respeite a opinião das outras pessoas, eu sei que vai ter gente comparando com o preço de moto 4 cilindros usada, e eu concordo tem que pensa nisso sim, mesmo sendo uma comparação sem sentido ela existe do mesmo jeito que uma marca usa a tabela da concorrência para comparar qual modelo é melhor, sendo que na realidade ser superior em alguns cavalos nem sempre é vantagem…
Inscreva-se aqui: http://bit.ly/2ESlUzb
▼CONTATO E MUITO MAIS AQUI EM BAIXO▼

MINHA CAIXA POSTAL
Caixa Postal: 537
CEP: 12441970
PINDAMONHANGABA – SP
FACEBOOK https://goo.gl/hSvtyY
FÃPAGE https://goo.gl/kJldpR
INSTAGRAM https://goo.gl/hBnxfi
TWITTER https://goo.gl/pJ8yN8

Apoio do Canal:
TankPad chaveiros resinados é na Merake:
https://www.lojamerake.com.br
Adesivos para Motos é na Decalx: https://www.decalx.com.br/adesivos-para-motos

Eu recomendo que assista:
O melhor vídeo de dica do canal:
▶https://www.youtube.com/watch?v=Lp0m6HsFedA&t

O vídeo que eu mais dei risada até hoje na hora de gravar:
▶https://www.youtube.com/watch?v=iq4vxnbrii0&t

O vídeo mais polemico do canal:
▶https://www.youtube.com/watch?v=8kdXxPskjD4&t

Hashtags: #RobertyR7 #RR7 #CoisadeMotoqueiro #7tipos #7coisas #FicaaDica #ComentariosZueiros #ReactR7

✅CONTATO COMERCIAL: robertyr7@yahoo.com

Fonte: Youtube

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Comments

Leave a Reply
  1. Você só não entende que a Kawasaki fez uma moto para o mundo, não para o Brasil, fora daqui eles querem isso mesmo, carenagem la fora custa merreca, aqui que é tudo caro, faltou essa visão pra você, o dia que a kawasaki fizer uma moto pro brasil ai sim precisa seguir o que você falou, mas isso nunca vai acontecer, porque brasileiro é tudo quebrado, não é um mercado interessante.

  2. Preços absurdos, temos em todas as motos, a anterior ninja 300, tivemos ne Roberty, tinha defeitos crônicos, a carenagem próximo ao farol abria um pouco, as setas e painel depois de chuvas ou mesmo uma boa lavada, embaçavam, pq pegava humidade, vamos esperar as 400 rodarem pelo menos 6 meses, ai sim teremos uma visão correta da moto, em questão de números, ela esta sim superior .. abraço

  3. Entendi o vídeo e concordo com alguns pontos que você citou Roberty, mas temos que lembrar de que a proposta da moto não foi visando o seu tipo de uso. O mercado brasileiro para a kawasaki ta LONGE de ser o mais forte ou o mais RENTÁVEL para a marca, a proposta dela foi principalmente bater sua principal concorrente em uso ESPORTIVO, a kawa tava perdendo grande espaço nas PISTAS em categorias baixas CC por conta da R3, que é uma excelente cópia da ninja 300, com um MAIS motor e MENOS peso (também usa a estrategia de tanque menor para isso), e com um acabamento inferior, sem alguns itens de requinte (Embreagem deslizante por ex). Esse marketing de moto de rua que pode ser usada em pista é propaganda para tentar atingir e expandir o publico com potencial de consumo, mas o FOCO real não é uso urbano, pois ela tem garantia de vendas para o publico que faz uso 100% esportivo em outros países.

  4. Excelente comentário.Levando em conta de que quando lançaram a 300cc pararam as 250cc ,assim será ,segundo a divulgação com a 400cc,vão parar de fabricar as 300,sendo assim a única opção a 400cc.Seria interessante se um grupo grande de usuários se manifestasse daqui pra frente bem antes de um novo laançamento pra ver se em algum aspécto somos ouvidos pela marca.Abraço.

  5. Roberty curti o vídeo, a questão das mudanças foram justamente para diminuir a desvantagem em relação a R3, andei na ninjinha 300 e comparada a R3 sinceramente era fraca em final (o que menos importa na minha opinião), retomada e principalmente na ciclística (esses dois pontos considero cruciais numa moto), a R3 fez com que a Kawasaki melhorasse seu modelo de "entrada". A ciclística da R3 sempre foi muito superior a da ninjinha 300, sem falar no peso em relação a concorrente que deixava ela sempre meio lerda nas entradas de curva, então essa alteração da ciclística, que faz com que a moto "deite" melhor, que VC reclamou quanto a segurança ao meu ver foi equivocada, quanto mais fácil uma moto faz curva maior a segurança para o piloto, mesmo para uso urbano, até pq na pista tem muito menos "armadilhas" que no asfalto da cidade, uma boa ciclística ajuda numa mudança rápida de trajetória numa emergência por exemplo. Quanto a subir a cilindrada, uma das formas mais fáceis de melhorar torque é subir a cilindrada, pois cilindrada está relacionada a torque e não final por exemplo, caso contrário VC terá que investir em componentes e eletrônica que acaba encarecendo o produto demais. Veja que uma simples alteração na medida dos pistões muda a cilindrada, mais fácil, menos problemático para o dono tbm, pois eletrônica requer manutenção mais especializada e mais cara e componentes melhores vão encarecer na hora da manutenção preventiva. Então é tudo uma questão de escolha que a montadora tem que fazer e nós também, não andei nessa moto, mas estou super curioso para dar um role e ver se ela está mais próxima da R3, que até esse lançamento era referência nessa categoria. Forte abraço, gostei muito do vídeo como ficou, me lembrou os vídeos antigos.😀👋👋👋👋

  6. Minha opinião como ex dono de hornet e atual dono de lander.
    Se tem grana na mão pra comprar uma ninja 400 os 26 ou 27 mil é melhor procurar uma moto de alta cilindrada bem cuidada e pouco rodada agora se o cara não tem grana tem uma moto pequena e sonha em ter uma moto boa compensa financiar a ninja pois financiar uma moto semi nova é um absurdo.
    Agora minha opinião como falei antes é que não compraria, é muito bom ter moto grande sim e acelerar mais nada paga a vantagem da economia de uma moto pequena pra deslocamento urbano e passeios.

  7. O problema é que 10% que realmente entende um pouco de moto, ve igual seu ponto de vista o restante, só ve números e principalmente potência, um exemplo parecido quem gosta de som, e entende busca sempre eficiência e qualidade, o povão, busca rms, quantos mais forte o waats rms, na cabeça deles melhor é, o problema muitas vezes não é tanto a fabricante, eles querem lucro vender, o problema falta o consumidor ser curioso, buscar informações, entender se não tudo no mínimo o básico que ta ali escrito na ficha Técnica.

  8. Concordo plenamente. Já pensou!? Uma ninja TREZENTAS com suspensão dianteira invertida, semi guidão mais baixo, acertada nas curvas, indicador de marchas, botão de alerta… olha quanta coisa para inovar, e os caras simplesmente “aumentam” a cilindrada. 🖕🏼

  9. Bom dia.
    Cara concordo com vc. Tenho xre190. Uso diário, super econômica, 42km com 1LT. O q se busca normalmente em uma moto pra essa categoria é economia e desempenho. Segundo amigos a ninja 400 é mais voltado para STATUS dq funcionalidade. Isso se o uso for diário. Agora se for apenas final de semana blz.

  10. Cara eu particularmente acho mto dinheiro em moto 400 vc de 2 cilindros, vc encontra no mercado motos de 4 cilindros em ótimo estado de conservação por mais o menos o mesmo preço!
    Mais para que esta buscando custo benefício seria uma boa um 2 cilindros

  11. Aumentaram o torque justamente pra ela ficar melhor no dia a dia o motor acordar mais cedo em vez de ser “xoxa” de saída,embreagem deslizante foi melhorada para que ela fique melhor e não precisa tanto de final a mais se o torque dela é maior ela vai fazer tempo pelo menos 1 segundo mais rápido na pista

  12. Então vc Robert n teria comprado sua ninja 300 nunca tendo como exemplo o título do seu vídeo e a sua sugestão de sempre procurar por comentários realistas ja q vc qr dar a entender q n Vale a pena comprar a ninja 400!!!

  13. Concordo em tudo que você disse mas na questão do mercado brasileiro, mas tenho que deixar a observação que essa moto é mundial, então temos que olhar a questão europeia, asiática e norte americana pois lá essa moto é uma entrada para as esportivas e tem divisões de carta, fora questão de preço e tambem climática, mas realmente pra realidade brasileira sim você tem razão, parabéns pelo vídeo, continue sempre!

  14. Não acompanho vídeos por aqui, mas gostei do q falou, pois mesmo sendo fan da marcar não deixou de criticar. Admiro isso, esse negócio de fanboy cego está por fora. Ótimo vídeo como um todo! 😉👍

  15. Roberty, o problema era o torque em baixa rotação, que não tinha… tenho uma MT-03 e, para andar na cidade, percebo que a Fazer 250 parece menos desajeitada nas partidas de semáforo, ultrapassagens em baixa velocidade, etc. A KTM 390 e a nova BMWzinha dão show… acho que daí veio a proposta da Ninja 400. Mesmo assim, concordo bastante com você. *O que falta mesmo no Brasil é diversidade de opções de dirigibilidade*, quick shift de fábrica devia ser opcional para várias motos, repensar o pedal de câmbio também, não justifica ter que ficar danificando sapato para passar marcha pra cima, e apertar embreagem para passar marcha, em motos acima de 20.000. Até uma Biz tem quick shift, várias scooters têm câmbio CVT 🤦‍♂️

  16. oq encarece tudo por aqui é os impostos abusivos.O governo tenta te obrigar a comprar refugo.Se essa moto custasse um valor justo seria muito bem vinda sim.24 mil numa moto assim ja acho muito.Mais como tu mesmo disse,cada um com sua opinião.Acho q a pergunta q se deve fazer é pra q a pessoa quer a moto?Atendendo as necessidades do piloto q se deve decidir.

  17. Ja tirei de giro no like
    Flw!!!!!
    Eu gosto mais de carro,
    Mas uso suas ideias para refletir nos carros …
    E da certo rsrsrs
    To juntando dinheiro pra pegar uma cb 500
    Nao estou preocupado com velocidade final,
    Flw

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Loading…

0

Comments

0 comments

First Ride on the Kawasaki Ninja H2!

UNBOXING 2019 KAWASAKI NINJA || BLACK EDITION